17 julho 2018, terça-feira
Principal / 3° Idade e Relacionamentos / Festejar e cuidar em 2018: avós e bisos – 26 de julho

Festejar e cuidar em 2018: avós e bisos – 26 de julho

Diferente do Dia das Mães ou dos Pais, sempre celebrado num domingo, o DIA dos AVÓS é  26 de julho pois nesse dia, em 1584, o Papa Gregório VIII canonizou os avós de Jesus Cristo, por isso a escolha da Data- Santana e S Joaquim, pais de Nossa Senhora e portanto avós de Jesus.

Seja qual for a sua orientação religiosa, o DIA dos AVÓS, atualmente pelo alongamento da vida, estendido aos BISAVÓS, é celebrado a 26 de julho a cada ano. 

Os  que têm avós, podem descobrir a melhor maneira de homenageá-los porém aprender a CUIDAR dos avós e bisos é momento da vida muitas vezes sofrido e desgastante.

Digo isto, pois há muitos avós que negam a idade, pensam ser modernos e não querem que netos os chamem de avós e sim pelo nome. Estão privando os pequenos de uma relação muito interessante, amorosa e de grande valia para a educação do relacionamento intergeracional, sem mentiras, pois os vínculos  formados na 1ª infancia- dizem os teóricos da Psicologia, são fortes !

Quando as crianças estão nas escolas a maioria fala dos avós e os que não tiveram essa oportunidade são como plantas sem raízes ! Eles não  têm essa referência.

Já atendi, na clinica psicológica, famílias que por terem perdido avós cedo “adotaram” pessoas de mais idade em Asilos ou vizinhança para serem os avós de coração de seus rebentos. Gratificante para os dois lados !

Aprender a CUIDAR de pessoas Idosas é mesmo uma aprendizagem necessária…nem que seja para advogar em causa própria! Sim estamos com uma população que envelhece de forma rápida por algumas variáveis tipicas dos nosso país, que já foram algumas vezes tratadas aqui !

Pense bem: aprender a ser é um caminho para ENVELHECER com QUALIDADE … coisa que todos buscamos.

BARRAMARES homenageará seus idosos no próprio dia 26 de julho, com a prata da casa! Que você vai fazer ?

Veja mais

Lanche ostentação

Escutei esta expressão de um menino de 09 anos enquanto aguardava um atendimento. Comecei a …